Um símbolo de beleza e charme

A eterna bonequinha de luxo


Hoje é uma data especial. Dia das pessoas que transformam o mundo em um lugar mais bonito. No dia reservado as mulheres, vamos fazer uma homenagem a um grande símbolo de beleza, charme, carisma e vários outros adjetivos que se encaixam em tantas mulheres que convivemos.

Se falarmos em Ella van Heemstra as pessoas provavelmente não vão saber quem é. Apesar de ter sido escolhida como a atriz mais linda do cinema de todos os tempos e continuar sendo referência de elegância e estilo, esse nome não a identificaria..

Talvez como a atriz do filme Bonequinha de Luxo ou Sabrina alguns já comecem a imaginar.

Uma pessoa que trabalhou incansavelmente por causas infantis e de jeito humilde, gentil e charmoso. Soube envelhecer sem sofrimento, sabendo que isso significava mais tempo com sua família e para si mesma.

Estamos falando de Audrey Hepburn, atriz que faleceu de câncer no útero aos 63 anos

Apesar de toda beleza, ela encontrava defeitos em si que incomodavam bastante, como revelou seu filho caçula, Lucas Dotti, em declaração para a revista "Vanity Fair". 

Segundo Dotti, ela se achava muito magra e dizia que seus pés e nariz eram grandes demais. Além disso, ter seios pequenos a incomodava bastante. Segundo o filho, quando se olhava no espelho, não entendia porque a consideravam uma mulher tão bonita.


  
Audrey na infância
Na infância, Audrey passou por momentos delicados. Quando Audrey tinha 6 anos, seu pai abandonou a família, e três anos depois, Ella e Joseph divorciaram-se. A partida do pai, segundo Audrey, foi a experiência mais traumática de sua vida, uma tragédia da qual nunca se recuperou.

Ela e sua mãe estavam de férias na Holanda quando o país foi invadido pelos nazistas, durante a Segunda Guerra Mundial. Durante esse período, a menina teve que suportar a morte de diversos parentes e a escassez de comida - muitas vezes ela teve que comer bulbos de tulipa para sobreviver.



Apesar de ter morrido há mais de 20 anos, Audrey Hepburn continua sendo referência, prova disso é que ano passado ela foi estrela em um comercial de uma marca de chocolate britânica.

O comercial só foi possível graças a uma nova tecnologia de geração de imagens computadorizadas e levou mais de um ano para ser concretizado.




Assista o comercial!






Nenhum comentário:

Postar um comentário